RicBrSp ocupando uns bytes na web2

Neste blog comento notícias, política, coisas da vida (eletrônica ou digital), redes sociais, fotos, vídeos, música e etc., palpito de tudo um pouco, com meus textos, pensamentos, e crônicas.      

 http://www.facebook.com/ricbrsp        https://twitter.com/RicBrSp

http://ricbrsp.wordpress.com/           www.gazzag.com/ricbrsp 

http://www.myspace.com/ricbrsp         http://ricbrsp.hi5.com/

 

Visitantes

25 janeiro, 2013

São Paulo 459 anos como cidade, e uns 16 mil anos como aldeia indígena.

Minha homenagem ao aniverário de 459 anos como cidade, e p/ comemorar eu ressalto q antes de haver uma cidade haviam várias aldeias indígenas espalhadas neste planalto.

Onde fica a cidade de São Paulo era habitada por indios há milhares de anos, antes dos portugueses chegarem por aqui!

Diz assim a versão no site da Prefeitura SP da história da cidade é:

Piratininga virou São Paulo: o colégio é hoje uma metrópole

Os padres jesuítas José de Anchieta e Manoel da Nóbrega subiram a Serra do Mar, nos idos de 1553, a fim de buscar um local seguro para se instalar e catequizar os índios. Ao atingir o planalto de Piratininga, encontraram o ponto ideal. Tinha “ares frios e temperados como os de Espanha” e “uma terra mui sadia, fresca e de boas águas”.

Os religiosos construíram um colégio numa pequena colina, próxima aos rios Tamanduateí e Anhangabaú, onde celebraram uma missa. Era o dia 25 de janeiro de 1554, data que marca o aniversário de São Paulo. Quase cinco séculos depois, o povoado de Piratininga se transformou numa cidade de 11 milhões de habitantes. Daqueles tempos, restam apenas as fundações da construção feita pelos padres e índios no Pateo do Collegio.

Piratininga demorou 157 anos para se tornar uma cidade chamada São Paulo, decisão ratificada pelo rei de Portugal. Nessa época, São Paulo ainda era o ponto de partida das bandeiras, expedições que cortavam o interior do Brasil. Tinham como objetivos a busca de minerais preciosos e o aprisionamento de índios para trabalhar como escravos nas minas e lavouras.

Em 1815, a cidade se transformou em capital da Província de São Paulo. Mas somente doze anos depois ganharia sua primeira faculdade, de Direito, no Largo São Francisco. A partir de então, São Paulo se tornou um núcleo intelectual e político do país. Mas apenas se tornaria um importante centro econômico com a expansão da cafeicultura no final do século XIX. Imigrantes chegaram dos quatro cantos do mundo para trabalhar nas lavouras e, mais tarde, no crescente parque industrial da cidade. Mais da metade dos habitantes da cidade, em meados da década de 1890, era formada por imigrantes.

Outra versão bem semelhante tem na wikipédia - História da cidade de São Paulo.

Todas ás versões confirmam os índios vivendo nestas terras, bem como estudos de arqueológicas feitas no Brasil, que acharam vestígios de civilização há 16.000 A.C.

“Pesquisas arqueológicas em São Raimundo Nonato, organizadas pela arqueóloga Niède Guidon no interior do Piauí, registram indícios da presença humana datados como anteriores a 10 000 anos atrás.[9] A maioria dos pesquisadores acredita que o povoamento da América do Sul deu-se a partir de 20 mil a.C.[10] Indícios arqueológicos no Brasil apontam para a presença humana em achados datados de 16000 a.C., de 14200 a.C. e de 12770 a.C. em Lagoa Santa (MG), Rio Claro (SP) e Ibicuí (RS).[10] Em Lapa Vermelha, (Minas Gerais), foi encontrado um verdadeiro cemitério com ossos datados em 12 000 anos, o primeiro dos quais encontrado por Annette Laming-Emperaire na década de 1970 e que foi "batizado" de Luzia[9] e que parecia mais aparentada com os aborígines da Austrália ou com negrito das Ilhas Andaman.” (Wikipédia Povos indígenas do Brasil).

Esta postagem é p/ fazer justiça a verdade dos fatos, e aos donos das terras q foram tomadas p/ a cidade poder existir.

Povos indígenas no Brasil

Brazilian indians 000.JPG

Índios respectivamente das tribos:
assurini, tapirapé, kaiapó, tapirapé, rikbaktsa e bororó

População total 896 900 aproximadamente 0,4% da população do Brasil[1]

Regiões com população significativa Brasil, principalmente nas regiões Norte e Centro-Oeste

Línguas 274 (Línguas indígenas e Português)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é fundamental p/ mim, até p/ ter a noção das barbaridades que escrevo. rs.....