RicBrSp ocupando uns bytes na web2

Neste blog comento notícias, política, coisas da vida (eletrônica ou digital), redes sociais, fotos, vídeos, música e etc., palpito de tudo um pouco, com meus textos, pensamentos, e crônicas.      

 http://www.facebook.com/ricbrsp        https://twitter.com/RicBrSp

http://ricbrsp.wordpress.com/           www.gazzag.com/ricbrsp 

http://www.myspace.com/ricbrsp         http://ricbrsp.hi5.com/

 

Visitantes

21 outubro, 2008

Guerra regiliosa e silenciosa na Índia!!!

Recebi da amiga, e acho relevante postar neste blog.

Não só na Índia, mas na região, como Paquistão, Chad, onde tenho outra amiga missionária (Nelbe) neste país, que a poucas semanas teve de abandonar tudo, por conta de outro conflito religioso, sempre e invariávelmente envolvendo muçulmanos, e, outras religiões que pregam a paz, mas seu seguidores promovem a guerra e o massacre de inocentes.

Quebrando a vidraça, pois não gostou da paisagem (realidade), que a janela exibe!

 

Matança em nome de deus!         Guerra "santa"???

Com transmissão ao vivo e a cores para o mundo, p/ quem quer ver!

Digo, com imagens próprias de amador, conforme estou assistindo no YouTube:

From: rhirraniurd@hotmail.com
To: amarillys

O cristianismo na Índia está no país desde o ano 52. Segundo a tradição, Tomás, um dos discípulos de Cristo, havia ido à Índia durante essa época e estabeleceu sete igrejas na região conhecida agora como Kerala, e outras em Madras. Ele foi martirizado e sua sepultura ainda está em São Tomé de Meliapor.
Há quatro correntes do cristianismo na Índia: ortodoxa, católica romana, protestante e grupos indígenas. Os cristãos formam 2,33% da população, dos quais mais da metade é católica. O restante está dividido em diferentes denominações.
O nominalismo é o maior problema enfrentado pela igreja, em grande parte devido à falta de treinamento e discipulado. Um dos melhores métodos de evangelização são as redes de rádio cristãs, que alcançam milhares de pessoas com a Palavra de Deus. Organizações e trabalhadores locais também têm sido muito bem-sucedidos. A Associação de Missões da Índia (India Missions Association) coordena cerca de 50 agências evangélicas que atuam no país.

A Perseguição
A tensão entre hindus, sikhs, muçulmanos e cristãos permanece alta. Há muitos relatos de ataques a igrejas, raptos, detenções, e intimidação feitos por extremistas hindus. Essas ações são particularmente dirigidas aos líderes das igrejas. Oito Estados têm leis anti-conversão, que impedem a conversão de hindus ao cristianismo. Mesmo assim, muitos dalits pobres têm se convertido.
Os dalits formam a casta mais baixa da sociedade hindu. Eles são conhecidos comumente como 'intocáveis', pois sua posição os torna indignos de serem tocados por outras pessoas de castas mais altas.
Empregos e empréstimos governamentais são negados àqueles que se convertem ao cristianismo, e o monitoramento dos cristãos tem aumentado. No entanto, alguns casos recentes de perseguição tornaram-se públicos e resultaram em uma atenção maior do governo em proteger os direitos e liberdades dos cristãos. Grande parte da perseguição é realizada pelas alas radicais dos hindus e dos muçulmanos, que têm oprimido, atacado e até assassinado membros da igreja.
Em abril de 2007, há poucas centenas de metros da casa do primeiro-ministro de Rajasthan, um grupo de extremistas atacou um missionário cristão diante de sua família e das câmeras de televisão. Antes de se dirigirem à casa do missionário, os extremistas pertencentes ao grupo fundamentalista hindu VHP, ligaram para um canal de televisão pedindo que sua ação fosse filmada. Depois que terminaram, foram embora sem ser perturbados.
Walter Massey, ex-obreiro da Índia Every Home Crusade, é dirigente de uma pequena congregação chamada Masihi Sanghti. Ele feriu-se gravemente, mas sobreviveu. De acordo com sua esposa e outras testemunhas, três jovens bateram à porta de sua casa em Nandpuri Bazar, dizendo que precisavam se encontrar com Walter. Quando abriu a porta, eles começaram a falar com o missionário, e em poucos segundos, cerca de 25 extremistas começaram a agredi-lo. Eles o golpearam violentamente com varas, barras de ferro, e saquearam a casa deixando a propriedade destruída.
Uma audiência indiana chocada assistiu às notícias que mostravam o pastor Walter sangrando por causa das agressões e sendo molestado pelos extremistas enquanto sua família aterrorizada assistia a tudo. Durante a agressão, o pastor Walter clamava pelo nome de Jesus. O pastor saiu de sua casa proclamando o amor de Jesus Cristo aos curiosos. Mais tarde ele falou à equipe de TV sobre o amor de Jesus Cristo e como os cristãos oram pela nação. Depois, foi levado ao hospital.
Inicialmente a polícia se recusou a registrar uma queixa, fazendo isso somente depois de ser pressionada pela Comunidade Cristã de Jaipur e outras organizações. A maioria dos agressores pode ser identifica por meio do vídeo exibido durante horas na televisão, mas na queixa que a polícia registrou, está declarado que o pastor Walter foi atacado por homens não identificados.
Rajasthan é um dos Estados mais nacionalistas da Índia. Lá, os cristãos somam 0,11% da população; os muçulmanos são 8% e os hindus são 89%. Muitos ataques têm ocorrido de forma muito violenta.

Por favor, orem pela igreja na India. Budistas extremistas queimaram 20 igrejas ontem a noite e estao planejando destruir 200 igrejas na regiao de Orissa hoje a noite e tambem matar 200 pastores nas proximas 24 horas. Os cristaos estao escondidos no mato, por favor orem e passem esta mensagem pra todos que voce conhece imediatamente.
A ORAÇAO DE UM JUSTO PODE MUITO EN SEUS EFEITOS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
DEUS ABENCOE A TODOS !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é fundamental p/ mim, até p/ ter a noção das barbaridades que escrevo. rs.....